17 de fev de 2010

17/02/09

Digamos que foi o pior dia da minha vida, e hoje faz um ano desta data tão horrível. Mas ela também tem seu lado bom. O lado da lembrança, da saudade, do amor, do sentimento, do aconchego, do passado, do presente e do futuro.
Só quero guardar para mim as lembranças boas, os abraços apertados, as brincadeiras, as conversas, os segredos, as fofocas e até mesmo as brigas!
Lembro muito bem do dia que, quando cheguei de viagem, ele chegou pra mim e disse: 'Nunca mais saia da minha vida assim, de uma hora pra outra, mocinha! Eu te amo muito!'

Agora eu que te pergunto pai: Porque você saiu da minha vida assim? Eu que te amo muito!

Hoje, quarta feira de cinzas, momento de refletir que do pó viemos, ao pó voltaremos. Mas também as pessoas queridas a nós, também foram e serão pó. Muitas vezes mais fácil admitir se perder que perder a quem se ama.

3 comentários:

  1. Qee legal que vc curtiu o meu post ;D
    tô seguindo você a mto tempo!curtoo seus post!;DD
    Mas.. a qestão do Sorria,seu bosta ..é real! eoo leiooo toda vez!caioo na risadaa!(A vida te ensina,vc APRENDE..ou não)kkkkk eu nunca aprendo!
    ;*
    beijoo

    ResponderExcluir
  2. o que pode ser mais difícil do que essas coisas?

    :/

    complicado... não consigo entender as conexões... por tempos depende do tempo que é instalado naquele que pode vir a ser, mas por instantes tornam-se dependentes apenas dos tempos que já não são... e passam a seguir essa regra até o fim dos nossos dias... :/

    complicado...

    :/

    ResponderExcluir
  3. Nada é por acaso, e nem coincidência, tudo tem um porquê. E ás vezes, mesmo que não para nós, ou mesmo não compreendermos, a partida pode ser a melhor coisa. Mas realmente é complicado :\
    Um grande beijo!

    ResponderExcluir